Publicidade

segunda-feira, 9 de maio de 2016 Estreia, Jornalismo, Programa | 13:30

Luciano Faccioli estreia programa na RedeTV! e promete fugir do policialesco: “Deixa o Datena e o Rezende se digladiarem”

Compartilhe: Twitter
(Foto: Artur Igrecias/ Divulgação RedeTV!)

Luciano Faccioli fala seu bordão no programa “Olha a Hora” (Foto: Artur Igrecias/ Divulgação RedeTV!)

Luciano Faccioli ocupa a partir desta segunda-feira (9) o horário de João Kleber na RedeTV!. O apresentador deixou o “RedeTV News” para apresentar  o “Olha a Hora”, bordão que empresta ao nome do programa, no ar das 17h às 19h15. Ele explica que o formato da atração e garante não explorar o sensacionalismo como seus concorrentes no horário.

Sonia Abrão comemora 10 anos na RedeTV!

“É um programa popular, mas não policial nem policialesco. Não vou brigar com o Marcelo (Rezende) nem com o (José Luiz) Datena, deixa eles se digladiarem nesse estilo”, disse, referindo-se ao “Cidade Alerta”, da Record, e ao “Brasil Urgente”, da Band. “É o horário do lanche, que eu já considero nobre. Vamos mostrar gente, coisas positivas. Quem espera um programa sensacionalista, que explora o extremo, uma situação trágica e de miséria, aqui não vai ver”, avisa.

Novela do SBT tira o sono de Marcelo Rezende

O visual também será mais despojado. “Apresentarei sem gravata, com a camisa para fora, paletó aberto, em pé, andando. Já saberei quais são os assuntos e vou falar de maneira conversada. A gente quer entrar na casa de quem está nos assistindo, que a pessoa ‘sente’ do meu lado no sofá do programa ou chegue para o cantinho no seu para eu sentar”.

Apresentador entra na guerra do fim da tarde (Foto: Francisco Cepeda/Agnews)

Apresentador entra na guerra do fim da tarde (Foto: Francisco Cepeda/Agnews)

Faccioli não nega semelhanças com a fase áurea do “Tudo a Ver”, que apresentou na Record, época em que tinha Paulo Henrique Amorim e Ana Hickmann como colegas. “Quando estávamos formatando o programa lembrei disso. O ‘Tudo a Ver’ é uma inspiração sim, porque deu muito certo.”. Mas alerta sobre comparações entre as duas atrações: “Nosso poderio é um pouco menor, cada casa com a sua realidade”.

O jornalista comemora ainda sua “reestreia” na emissora na mesma data: em 9 de maio do ano passado, ele apareceu comandando a “Faixa Nobre do Esporte”. “São coincidencias que me acompanham”. Ocupar o horário de João Kleber não chega a pesar, garante. “Acho que não vou substitui-lo. Quero manter o público: quem já assistia ao João, seja bem-vindo; quem assiste à Sonia (Abrão), continue com a gente. E quem não gosta do Datena, Marcelo, “Malhação” ou do SBT no horário, venha”, convida.

 No futuro, Faccioli não descarta seguir o mesmo caminho de Fausto Silva, Ratinho e outros apresentadores. “Sempre tive vontade de ter programa de auditório, vai que esse seja o caminho… Não é uma prioridade, mas se surgisse, abraçaria com muito prazer”.
Autor: Tags: , , , , , , , ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

Os comentários do texto estão encerrados.