Publicidade

terça-feira, 24 de janeiro de 2017 Briga pela audiência, Programa | 13:30

Mudança de horário desaba audiência da “Tela Quente”

Compartilhe: Twitter

No ar desde 1988, “Tela Quente” vinha registrando bons índices indo ao ar em seu horário habitual, mas a audiência despencou com a ida para as 23h.

Malévola marcou ótima audiência para a "Tela Quente" no último dia 2

Malévola marcou ótima audiência para a “Tela Quente” no último dia 2

As mudanças que a Globo fez em sua grade nas noites de segunda-feira fizeram desabar a audiência da “Tela Quente”. Depois que passou a ir ao ar às 23h e não mais após a novela “A Lei do Amor”, a tradicional sessão de filmes ainda é líder, mas perdeu bastante público.

Contratado da Record, Fábio Porchat aparece na “Tela Quente”

Como exemplo, pegamos as três últimas semanas em que a “Tela Quente” ia ao ar na faixa das 22h15 e as três seguintes em que passou a ser exibida mais tarde. Antes da mudança (de 19 de dezembro a 2 de janeiro), a sessão oscilava entre 24 e 28 pontos na Grande São Paulo, considerada pelo mercado publicitário a principal praça para medição da audiência. Do dia 9 à última segunda-feira (23), ficou entre 13 e 20 pontos.

SBT vence todas as emissoras com reprise de filme

Tela Quente logo 2016Os números vinham em uma crescente: no dia 19 do mês passado, o filme “Um Momento Pode Mudar Tudo” cravou 24,6 pontos de média. Nas duas semanas seguintes, foi a maior audiência do dia da emissora, batendo a novela das 21h, “A Lei do Amor”: 25,7 no dia 26 de dezembro, com o filme “A Bela e a Fera”, e 28,1 no dia 2 de janeiro, com “Malévola”. Veio então a mudança de horário.

Dez filmes para assistir e trazer o cinema para dentro de casa

No dia 9 de janeiro, com a estreia da minissérie “Dois Irmãos”, o filme “João e Maria: Caçadores de Bruxas” começou só às 23h40, e marcou apenas 15 pontos de média. Na segunda-feira seguinte (16), ainda antecedida por “Dois Irmãos”, “Tela Quente” teve início às 23h10 e índice ainda menor, 13,7 de média com o filme “Sherlock Holmes: O Jogo de Sombras”. Na noite da última segunda (23), o filme “Thor: o Mundo Sombrio” foi ao ar um pouco mais cedo, às 22h50 após a estreia do “BBB 17”, conquistando média um pouco melhor: 20,2 pontos.

Xuxa não ameaça filmes da Globo (Blad Meneghel/Divulgação)

Xuxa não ameaça filmes da Globo (Blad Meneghel/Divulgação)

Sobrevida

Os filmes na Globo vinham tendo queda de audiência e muito se especulou de estarem com os dias contados – o “Supercine” foi transferido para as madrugadas aos sábados trocando de horário com o “Altas Horas”, a “Sessão da Tarde” mostra-se combalida e definha na programação vespertina e a própria “Tela Quente” há tempos não vinha despertando a atenção, com filmes e audiência regulares.

Com a estreia de Xuxa na Record, a emissora começou a olhar com mais cuidado para a escolha dos longas e a divulga-los mais ao longo da programação. “Xuxa Meneghel” nem de longe se mostrou interessante para por em risco a liderança, mas serviu para a Globo revitalizar a “Tela Quente”, no ar desde 1988. Com o acordo fechado com a Warner, a sessão deve ganhar o reforço de super-heróis da Marvel e da DC Comics, segurando a audiência ao longo de 2017.

Autor: Tags: , , , ,