Publicidade

Posts com a Tag elisabeth jhin

quinta-feira, 30 de agosto de 2012 Novela | 12:18

'Amor Eterno Amor': Spoiler! Descubra tudo o que vai acontecer no último capítulo da trama das seis

Compartilhe: Twitter

Melissa (Cássia Kiss) terá um final trágico

Faltando pouco mais de uma semana para o final de “Amor Eterno Amor”, os atores já receberam o texto com o ponto final da trama. A coluna conta agora os principais desfechos que Elisabeth Jhin preparou para a novela das seis da Globo. Leia a seguir:

MORTE DA VILÃ – Melissa (Cássia Kiss) será morta pelo ex-marido, Dimas (Luis Mello). Antes, terá todos os seus crimes descobertos por Rodrigo (Gabriel Braga Nunes), que ficará sabendo de tudo por meio da carta que Angélica (Denise Weinberg) lhe escreveu. A mensagem será entregue por Amparo (Mayana Neiva), que, arrependida de tudo, tentará provar que ama o ex-peão de verdade. Melissa será presa, mas não ficará muito tempo atrás das grades. Depois de ganhar liberdade provisória, tentará matar o sobrinho novamente. Dimas impedirá e mandará a vilã para o Além.

ENTRE A VIDA E A MORTE – A pequena Clara (Klara Castanho) levará um tiro de Melissa e terá de ser operada, para desespero de seu pai, Gabriel (Felipe Camargo). A menina sobreviverá, mas, antes, terá uma experiência mística. Sairá do próprio corpo e encontrará o espírito de sua mãe.

PRISÕES – Mesmo arrependida, Amparo será presa por falsidade idológica. Ela confessará que era, na verdade, uma prostituta contratada por Melissa. O mesmo acontecerá com sua falsa tia, Solange (Sandra Corveloni), e Virgílio (Osmar Prado). Apesar de ter livrado os personagens da vilã, Dimas também será condenado.

LOUCURA – Depois de sequestrar Míriam (Letícia Persiles), Fernando (Carmo Dalla Vecchia) quase morre ao cair de um panhasco. Rodrigo, no entanto, o salva, segurando-o pelo braço. Logo depois disso, será internado num manicômio.

CASAIS FELIZES – Valéria (Andreia Horta) finalmente assumirá o amor que sente por Josué (Raphael Vianna). Grávida, Jacira (Carol Castro) voltará para Tobias (Erom Cordeiro). E Gracinha (Daniela Fontan) finalmente conquistará Pedro (André Gonçalves). Além deles, Jáqui (Suzy Rêgo) e Henrique (Murilo Grossi) e Laura (Giulia Gam) e Gil (Otávio Martins) terão finais felizes.

CASAMENTO – Rodrigo e Míriam (Letícia Persiles) descobrem que se amam de outras vidas e que ela é a verdadeira Elisa. Os dois se casarão.

REENCARNAÇÃO – Verbena (Ana Lúcia Torre) receberá no Além a notícia que de que vai voltar à Terra. Ela reencarnará na filha de Rodrigo e Míriam terão após o casamento. Ou seja: Verbena virá ao mundo como sua neta.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , ,

segunda-feira, 6 de agosto de 2012 Novela | 11:05

'Amor Eterno Amor': Elisa é uma falsária plantada por Melissa na vida de Rodrigo e planeja matá-lo

Compartilhe: Twitter

Elisa (Mayana Neiva) é lacaia de Melissa (Cássia Kiss)

Acabou-se a dúvida em “Amor Eterno Amor”: Elisa (Mayana Neiva) é de fato uma falsária como todos já esperavam, mas a história vai além. A vilã se infiltrou na vida de Rodrigo (Gabriel Braga Nunes) a mando de Melissa (Cássia Kiss).

O plano é muito claro: a vilã contratou a colega de crime – que, na verdade, chama-se Maria do Amparo – para casar com o sobrinho e matá-lo pouco depois do casamento. Viúva, a falsária transferiria todos os bens para Melissa e ganharia uma bolada milionária.

Com isso, fica confirmada a versão de que Miriam (Letícia Persiles) é a reencarnação de Elisa, que, quando Rodrigo era criança, tratava-se apenas de um espírito.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , ,

terça-feira, 31 de julho de 2012 Bastidores, Novela | 17:11

'Amor Eterno Amor' ganha reforços no elenco: irmão de Sonia Braga e Michel Bercovitch entram na trama (atualizada)

Compartilhe: Twitter

Júlio Braga entra na trama para explicar o desaparecimento de Rodrigo

“Amor Eterno Amor” está chegando perto da reta final, mas ganhará reforços no elenco em breve. Dois personagens surgirão na novela escrita por Elisabeth Jhin nas próximas semanas. Um deles é Juca, papel que será vivido por Julio Braga. Ele será a chave para o mistério do rapto de Rodrigo (Gabriel Braga Nunes) quando ainda era criança. O malvado Dimas (Luis Mello) descobrirá que o ex-funcionário está preso e fará de tudo para comprar seu silêncio. Curiosidade: Julio é irmão de Sonia Braga e recentemente atuou em “Ribeirão do tempo”, da Record.

Michel Bercovitch entrará na trama como o pai de Laís (Jéssika Alves)

Outro ator que entrará na história é Michel Bercovitch. Ele dará vida a Eduardo, o verdadeiro pai de Laís (Jéssika Alves). A revelação será feita por Marlene (Hermila Guedes), que contará tudo à filha. O personagem fará de tudo para recuperar o tempo perdido com a garota. O último papel de Michel na TV foi em “Morde e Assopra”.

O último capítulo de “Amor Eterno Amor” está previsto para ir ao ar no dia 7 de setembro.

Atualização: Inicialmente confirmado pela CG-COM como o ator que viveria Juca, Luca de Castro foi substituído por Julio Braga.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , ,

sábado, 7 de julho de 2012 Sobe e desce | 13:53

O legal e o mico da semana – De 30 de junho a 6 de julho

Compartilhe: Twitter

O LEGAL – Renata Vasconcellos, no “Jornal Nacional”

Renata Vasconcellos: cobrindo as férias de Patrícia Poeta

Patrícia Poeta saiu de férias e deixou uma substituta à altura no “Jornal Nacional”. Renata Vasconcellos assumiu a bancada e tem dado um show. Curiosamente, o nome da jornalista chegou a ser cotado para substituir Fátima Bernardes, mas a direção entendeu que ela não tinha tanta abertura com a tão falada classe C. Renata está mostrando que todos estavam errados. Está à vontade e muito segura dividindo a bancada com Bonner. Tem carisma e é uma excelente profissional.

O MICO – O marasmo de “Amor Eterno Amor”

Gabriel Braga Nunes e Mayana Neiva, numa cena da novela das seis

A trama das seis entrou num momento em que tudo acontece de forma tediosa. Há um clima solene entre os protagonistas absolutamente desnecessário, especialmente quando fala-se da espiritualidade. Em “A Viagem”, de 1994, por exemplo, tudo era tratado com naturalidade e deslumbres tamanhos que a novela virou uma das maiores audiências da época. Falta ação e maior agilidade nas cenas e boa parte dos personagens parece arrastar tramas fracas por meses. Uma pena, porque “Amor Eterno Amor” tem potencial.

Relembre os micos das semanas anteriores

E siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , ,

quarta-feira, 23 de maio de 2012 Novela | 12:20

'Amor Eterno Amor': Mayana Neiva começa a aparecer como Elisa no próximo mês

Compartilhe: Twitter

Mayana Neiva: será Elisa uma impostora?

Já tem data a esperada chegada de Elisa a “Amor Eterno Amor”. O amor de infância de Rodrigo (Gabriel Braga Nunes) voltará a história, já adulta e interpretada por Mayana Neiva, a partir do dia 5 de junho. Neste capítulo, ela flagrará o amado aos beijos com Míriam (Letícia Persiles), quando os dois finalmente resolvem assumir a paixão. A personagem irá até a mansão onde vive o domador de búfalos depois de ver sua foto na capa da revista “Cena Contemporânea”.

Só há um problema nisso tudo: esta Elisa pode ser uma impostora. E o mistério deve ser levado até a reta final da novela escrita por Elisabeth Jhin.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , ,

segunda-feira, 7 de maio de 2012 Novela | 13:46

'Amor Eterno Amor': Mãe adotiva de Rodrigo não está morta

Compartilhe: Twitter

Angélica (Denise Weinberg): de volta à trama

Os espectadores de “Amor Eterno Amor” terão uma surpresa nas próximas semanas. Mãe de criação de Rodrigo (Gabriel Braga Nunes), Angélica (Denise Weinberg) não morreu no primeiro capítulo como todos pensavam. Ela apenas fingiu ter morrido para escapar dos maus tratos do marido, Virgílio (Osmar Prado). A volta da personagem à trama de Elisabeth Jhin servirá para explicar o misterioso desaparecimento de Rodrigo quando criança.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 2 de maio de 2012 Briga pela audiência, Novela | 15:02

'Amor Eterno Amor' atinge sua audiência mais alta em feriado

Compartilhe: Twitter

Carmo Dalla Vecchia e Letícia Persiles em cena da novela das seis: recorde

Aos poucos, a equipe de “Amor Eterno Amor” está ficando mais tranquila. Depois de um começo morno, os índices de audiência da novela das seis começam a dar mostras de que estão reagindo. Na última terça-feira (1), um feriado, a trama escrita por Elisabeth Jhin bateu seu recorde. De acordo com o Ibope, a média foi de 27 pontos, dois a mais do que a alta mais alta que havia registrado até então.

Curiosidade: desde “O Profeta”, em 2006, um 49° capítulo de novela das seis não registrava esse índice. Como base de comparação, as antecessoras, “A Vida da Gente” e “Cordel Encantado” marcaram 25 pontos. Já “Araguaia”, 23.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , ,

terça-feira, 27 de março de 2012 Novela | 11:56

'Amor Eterno Amor': Verbena morre de mãos dadas com o filho na próxima sexta-feira (30)

Compartilhe: Twitter

Verbena e Carlos: abraço antes da despedida

Vai durar pouco a felicidade de Verbena (Ana Lúcia Torre), em “Amor Eterno Amor”. No capítulo que vai ao ar nesta sexta-feira (30), a personagem não resistirá à doença e morrerá de mãos dadas com o filho, Carlos (Gabriel Braga Nunes). O domador de búfalos estará ao lado da mãe o tempo todo no momento da despedida. “Que pena que ficamos tão pouco tempo juntos”, dirá o protagonista da novela de Elisabeth Jhin.

Leia entrevista com Ana Lúcia Torre, a Verbena de “Amor Eterno Amor”

Pouco antes de morrer, Verbena será avisada por Clara (Klara Castanho) que sua hora chegou. Antes, cuidará de seu testamento e deixará tudo para o filho, excluindo a irmã, Melissa (Cássia Kiss Magro), e o sobrinho, Fernando (Carmo Dalla Vecchia) e exigirá que Rodrigo cuide de tudo. “”Eu prometo que não vou entregar o seu patrimônio a quem não mereça. Vou ajudar a descobrir como uma criança desaparece sem deixar vestígio e fazer tudo para trazer ela de volta pra casa. Prometo que vou descobrir quem foi o responsável pelo seu sofrimento e do meu pai, quem destruiu a nossa família. Eu te prometo, mãe!”, dirá o peão.

Depois da emocionante despedida, Verbena parte para o mundo espiritual, onde terá a companhia de Lexor (Othon Bastos) e do marido, Augusto (Reginaldo Faria). A personagem segue na novela até o último capítulo.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , , ,

domingo, 11 de março de 2012 Entrevista | 10:00

Ana Lúcia Torre: 'Toda mãe tem pânico de perder o filho'

Compartilhe: Twitter

Ana Lúcia Torre: "Peruca não é algo cômodo"

Acostumados com a emblemática e espoleta Tia Neném, de “Insensato Coração”, os espectadores de “Amor Eterno Amor” estão vendo uma Ana Lúcia Torre totalmente diferente de sua personagem anterior. Consagrada nos palcos, a atriz dá vida à doce Verbena na novela escrita por Elisabeth Jhin. Na trama, a mulher bondosa morrerá por volta do capítulo 23, antes de encontrar o filho tão procurado, interpretado por Gabriel Braga Nunes. Isso não significa, no entanto, que a veremos por pouco tempo. Mesmo depois da morte, a personagem continuará na história na forma de um espírito que acompanhará todos os passos do filho e fará de tudo para que ele não sofra nas mãos da maldosa Melissa (Cássia Kiss Magro). A maternidade, aliás, é um tema que ela explora também no teatro, com o espetáculo “Como Se Tornar uma Supermãe Em 10 Lições”, atualmente em cartaz no Teatro Gazeta, em São Paulo. Espectadora assídua das novelas assinadas por Elisabeth Jhin e seguidora da doutrina espírita há anos, Ana Lúcia conversou com a coluna.

IG: Se considera uma pessoa muito espiritualizada? Já tinha alguma afinidade com os assuntos abordados na novela?
ANA LÚCIA TORRE: Minha família toda é espírita. Já lida bem com o tema e para mim foi maravilhoso, por que pude tratar de uma forma muito carinhosa. Esse assunto me é muito caro.

IG: Já havia assistido as novelas escritas pela Elisabeth Jhin?
ANA LÚCIA TORRE: Sim, todas. Eu gosto muito, claro, tem vezes que a gente está trabalhando e não dá para ver, mas tentava assistir sempre que podia a todas. Mas, apesar de gostar muito, nunca havia feito uma novela escrita pela Elisabeth Jhin e o texto é muito bom de se falar. É coloquial, bem escrito, emocionante e, acima de tudo, é simples, muito gostoso de dizer.

IG: Teve de viajar a lugares remotos para gravar?
ANA LÚCIA TORRE: Não cheguei a ir ao Norte do país para gravar porque a maior parte das cenas a minha personagem está em casa. Mas cheguei a ir para Minas Gerais, numa sequência em que a Verbena tenta encontrar o filho.

IG: Como tem sido essa troca de visual? Você tem cabelos ruivos, mas na novela aparece de cabelos brancos. Estranhou ter de usar peruca?
ANA LÚCIA TORRE: Já no final do primeiro capítulo fiquei com os cabelos brancos por causa de uma passagem de tempo. Não estranhei me ver com os cabelos brancos, mas peruca não é uma coisa cômoda, preciso confessar. Principalmente quando você fica com ela oito ou nove horas seguidas. É ruim, pinica tudo, fico um pouco desesperada. (risos). A Cássia Kiss, como eu troca perucas, mas é um sofrimento conjunto. Não conversamos sobre as perucas, claro, falamos sobre as cenas. Mas é ruim, porque fica tudo coladinho. Mas vale a pena, o resultado ficou muito bom.

IG: Vai ter de lidar com efeitos especiais depois que sua personagem virar um espírito na novela?
ANA LÚCIA TORRE: Não tenho ideia ainda, mas acho que não. Acho que deve ser um trabalho na pós-produção. Na hora de gravar acho que vai ser do mesmo jeito que a personagem estivesse viva.

IG: Considera alguma novela espírita mais marcante?
ANA LÚCIA TORRE: Eu não assisti “A Viagem”, mas todo mundo me fala que foi uma das coisas mais bonitas que aconteceu, então não posso falar muito dela. Mas com temática espírita vi todas as da Elisabeth Jhin.

IG: O Brasil é um país em sua maioria católico, mas convive muito bem com outras religiões, que têm crescido consideravelmente. Por que acha que somos tão abertos a outras doutrinas?
ANA LÚCIA TORRE: O Brasil é considerado um país católico talvez pela tradição de colonização portuguesa, dos jesuítas e do catolicismo, mas acho que assim como o Brasil recebeu todas as raças que vieram nos colonizar e depois nos desenvolver, também é aberto a todo tipo de religião. Com essa imigração forte cada povo veio com a sua religião. Isso fez com que tenhamos nos tornado um povo bastante aberto nesse aspecto.

IG: A Verbena parece uma personagem bem calma, totalmente diferente da Tia Neném de “Insensato Coração”. Acha que vai ter gente com saudade?
ANA LÚCIA TORRE: Não tem nem como comparar as duas. São totalmente diferentes mesmo! Mas a Verbena também é uma mulher muito forte. A palavra principal que pode caracterizar a Verbena é: coragem. É uma mulher corajosa, que vive em busca de um filho, e esse sentimento e essa fé fazem com que ela seja uma pessoa preparada para a vida apesar do sofrimento. Verbena não faz desse sofrimento uma tragédia, nem entra em depressão. Faz disso um movimento para encontrar esse filho. Espero que ela transmita esperança e força a quem assistir a novela.

IG: Passou por algum tipo de preparação específica para compor a Verbena?
ANA LÚCIA TORRE: Eu sou mãe. E uma coisa que passa pela cabeça de qualquer mãe o pânico de perder o filho de qualquer forma. Não importa se de morte ou rapto. Esse medo me ajudou a compor a personagem, além de tudo o que você lê no dia a dia de mães em busca dos filhos. Mãe é aquela que não desiste do filho, nunca.

IG: Você afirmou que nenhuma mãe quer perder o filho, mas o contrário também se aplica: nenhum filho quer perder a mãe. Já preparou os seus para verem a cena em que morrerá na novela? Mesmo sendo ficção, deve ser um momento difícil.
ANA LÚCIA TORRE: Mas é exatamente isso que estou tentando fazer e que Elisabeth Jhin escreveu tão bem. Ao longo dos vinte e dois capítulo em que minha personagem está viva, ela vai preparando todas as pessoas que estão ao redor dela para o momento que ela desencarnará. Tento mostrar a essas pessoas que não vou morrer. Só vou passar para outro plano, mas meu espírito continuará presente. Na minha intimidade, com meus filhos, digo o mesmo. Eu sou espírita. Falar sobre esse assunto nunca foi e nem será um problema.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , ,

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012 Bastidores, Novela | 09:00

Hermila Guedes voltará às novelas como mãe solteira em 'Amor, Eterno Amor'

Compartilhe: Twitter

Hermila Guedes: novela das seis

A coluna já adiantou em primeira mão todos os nomes do elenco de “Amor, Eterno Amor”. Agora é a vez de detalhar a personagem que trará Hermila Guedes de volta às novelas. Atriz experiente no cinema, seu última trabalho na TV foi o seriado “Força-Tarefa”. Na trama escrita por Elisabeth Jhin, ela dará vida a Marlene, uma das moradoras do condomínio do qual a mãe do mocinho, Verbena (Ana Lúcia Torre), é síndica. Mãe solteira, ela fará de tudo para que sua filha, Laís (Jessika Alves), não enverede pelo mesmo caminho. A previsão é que o folhetim estreie em 5 de março.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última