Publicidade

Posts com a Tag joão emmanuel carneiro

segunda-feira, 27 de maio de 2013 Bastidores, Novela | 11:37

Próxima novela das sete da Globo já tem título

Compartilhe: Twitter

“Sangue Bom” mal começou, mas a Globo já deu início à produção de sua próxima novela das sete. A trama, que será escrita por Marcos Bernstein e Carlos Gregório, tem o título provisório de “Além do Horizonte”. A emissora escalou o experiente João Emmanuel Carneiro, de “Avenida Brasil”, para supervisionar o texto. A direção ficará a cargo do núcleo de Ricardo Waddington.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , ,

sábado, 2 de junho de 2012 Sobe e desce | 13:51

O legal e o mico da semana – De 27 de maio a 2 de junho

Compartilhe: Twitter

O LEGAL – Ísis Valverde, a Suelen de “Avenida Brasil”

Suelen (Isis Valverde): um dos destaques de "Avenida Brasil"

A atriz já havia mostrado talento com personagens carismáticas como a Rakelly, de “Beleza Pura”, mas agora vem subvertendo tudo o que já fez e mais uma vez surpreende a todos. Em “Avenida Brasil”, Suellen é periguete de marca maior, sem pudor nenhum. Apesar de levar para a cama metade do elenco masculino, ainda assim consegue despertar a simpatia dos espectadores. É um dos grandes papéis da promissora carreira de Isis Valverde. E um grande presente de João Emmanuel Carneiro, que já programou reviravoltas para a moça.

O MICO – O erro da prova de “A Fazenda”

Lui Mendes e a polêmicas dos óculos

Todo mundo ama assistir “A Fazenda” e espera ansiosamente pela revelação dos peões. A Record passa meses e meses preparando o reality show. Não dá para entender, no entanto, como, apesar de todo esse planejamento, colocam no ar provas com boas chances de falha, como foi o caso da exibida na última quinta-feira (31). É difícil garantir que nenhum participante espiou por baixo dos óculos, como foi acusado Lui Mendes. Esse tipo de possibilidade tem de ser prevista para evitar saias justas. Que não ocorram mais falhas para que o reality tenha um bom andamento.

Relembre os micos das semanas anteriores

E siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , , ,

terça-feira, 29 de maio de 2012 Crítica, Novela | 11:24

'Avenida Brasil': Nina, uma protagonista sádica que de mocinha não tem nada

Compartilhe: Twitter

Inversao de papéis na novela: Carminha sorridente e Nina maquiavélica

Quando “A Favorita” aproximava-se do capítulo 60, uma virada brusca de trama ocorreu: revelou-se que Flora (Patrícia Pillar) era a real vilã da história. Estabeleceu-se, portanto, que Donatella (Claudia Raia) era a mocinha, sofredora, que comeria o pão que o diabo amassou nas mãos da rival. Escrita pelo mesmo autor, João Emmanuel Carneiro, “Avenida Brasil” também se aproxima do sexagésimo episódio e estabelece um paralelo curioso com a antecessora. Basta olhar para o frame do último bloco exibido na segunda-feira (28) para perceber a inversão de valores. A megera Carminha (Adriana Esteves) surge sorridente, com um ar de candura. Já a injustiçada Nina (Débora Falabella) veste sua máscara maquiavélica para celebrar o dia em que ganhou a confiança da inimiga.

Aparentemente, a protagonista do folhetim tem todos os motivos para clamar por vingança. Apanhou da madrasta, perdeu o pai, foi abandonada num lixão. Mas, sutilmente, o autor tem dado pistas de que seu senso de justiça anda um pouco deturpado. Já pegou para si o dinheiro do resgate do sequestro de Carminha, obriga a amiga Betânia (Bianca Comparato) a fingir que é drogada, esconde do amado Jorginho (Cauã Reymond) seu real passado e o martiriza. Há um certo sadismo em Nina. Arquetipicamente, ela tem afastado cada vez mais do posto de mocinha tradicional.

Esta coluna já havia adiantado que em dado momento as maldades de Carminha seriam justificadas a ponto de possivelmente torná-la vítima e surpreender a todos. A julgar pelo comportamento obssessivo de Nina, isso tem tudo para ocorrer de fato, especialmente quando, no capítulo 100, a farsa cair por terra. No Projac circulam rumores de que a filha de Genésio (Tony Ramos) pode levar Tufão (Murilo Benício) ao altar. E mais: que o pai da garotinha não era tão santo quando aparentava. Boatos à parte, apesar de ofuscada pela explosiva interpretação de Adriana Esteves nas primeiras semanas, Débora Falabella tem desempenhado seu papel com louvor e merece reconhecimento. Seu maior mérito, mais do que mostrar que sua personagem não é uma mocinha boba e iludida, e conferir tamanha dubiedade a ponto de fazer o espectador se questionar se ela merece de fato alguma confiança. Tenho cá minhas dúvidas. E você?

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 13 de abril de 2012 Bastidores, Novela | 08:50

'Avenida Brasil': Carminha deve virar vítima na história

Compartilhe: Twitter

Carminha (Adriana Esteves): o passado justificará todas as suas maldades

Corre nos corredores da Globo uma tese que vai deixar muita gente impressionada. Uma grande virada deve acontecer daqui a algumas semanas em “Avenida Brasil”. Quando se revelar o real passado de Carminha (Adriana Esteves), sua maldades ganharão uma justificativa e ela assumirá ares de vítima na história escrita por João Emmanuel Carneiro.

Entre os produtores da novela, a aposta é que a vilã pagou pelos crimes de Lucinda (Vera Holtz), pois de uma coisa já se tem certeza: a megera passou um bom tempo na cadeia antes de conhecer Genésio (Tony Ramos). Exatamente por isso ela teria abandonado Jorginho (Cauã Reymond) no lixão. Será?

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 10 de abril de 2012 Bastidores, Novela | 11:40

Sucesso faz com que Mel Maia volte à 'Avenida Brasil' e assine contrato de gente grande

Compartilhe: Twitter

Mel Maia voltará para a novela em cenas de flashback

Grande destaque dos primeiros capítulos de “Avenida Brasil”, a pequena Mel Maia deve voltar a ser vista na novela escrita por João Emmanuel Carneiro. A repercussão foi tamanha que a Globo pediu para que a atriz apareça em cenas de flashback ao longo dos próximos capítulos. O bom trabalho também promete um bom futuro para a garota: ela assinou contrato de três anos com a emissora. Atualmente, o canal só firma compromissos longos como estes com artistas consagrados ou nomes nos quais aposta muito. Ponto para Mel.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 3 de abril de 2012 Briga pela audiência, Novela | 14:51

'Avenida Brasil' bate recorde de audiência na ultima segunda-feira (2)

Compartilhe: Twitter

Carminha (Adriana Esteves) e Tufão (Murilo Benício) em cena de "Avenida Brasil"

Se na primeira semana “Avenida Brasil” viu sua audiência cair um ponto por dia, na ultima segunda-feira (2) a trama de João Emmanuel Carneiro deu mostras de que deve empolgar o público. O capítulo que marcava a passagem de tempo e apresentava Nina (Débora Falabella) e Jorginho (Cauã Reymond) adultos marcou média de 40 pontos. O número é maior que o da estreia, quando o folhetim registrou 37 pontos.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , ,

quinta-feira, 29 de março de 2012 Briga pela audiência, Novela | 13:22

'Avenida Brasil' cai um ponto por dia desde a estreia e tem audiência menor que 'Fina Estampa'

Compartilhe: Twitter

Aclamada nas redes sociais e celebrada pela crítica, “Avenida Brasil” tem mostrado um desempenho curioso em sua primeira semana de edição. Desde que estreou, na última segunda-feira (26), a novela escrita por João Emmanuel Carneiro tem caído um ponto por dia em audiência. Acompanhe a trajetória, segundo medições do Ibope, abaixo:

Segunda-feira: 37 pontos

Terça-feira: 36 pontos

Quarta-feira: 35 pontos

A queda ainda não é significativa a ponto de acender a luz vermelha na Globo – até porque a estreia costuma marcar um número maior mesmo -, mas a curva de audiência tem de ser vista.

Na comparação, os números são menores que os da primeira semana de “Fina Estampa”. Compare:

Primeiro capítulo: 41 pontos

Segundo capítulo: 38 pontos

Terceiro capítulo: 38 pontos

Na média geral dos três primeiros capítulos, a nova trama das nove acumulou 36 pontos, contra 39 da antecessora.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , , ,

segunda-feira, 26 de março de 2012 Briga pela audiência, Crítica, Novela | 22:40

'Avenida Brasil' estreia com audiência menor que 'Fina Estampa' e vilã que rouba a cena

Compartilhe: Twitter

Carminha (Adriana Esteves) manda Rita (Mel Maia) ainda criança para o lixão

Assim como “Fina Estampa”, a nova trama das nove, “Avenida Brasil” mantém o foco na Classe C. Com grande ênfase na vida do subúrbio e em personagens que orbitam em torno de um lixão, a história escrita por João Emmanuel Carneiro parece seguir à risca a diretriz da Globo para suas novelas, com uma exceção, no entanto: ao invés de investir no exagero e no descompromisso com a verossimilhança como fez Aguinaldo Silva, o autor da vez se compromete com o realismo em histórias fortes. E pisa ainda mais fundo no melodrama. Já na primeira grande cena mostrou o conflito entre a malvada e cínica Carminha (Adriana Esteves) com a pequena Rita (Mel Maia), criança geniosa, que será enviada para um lixão depois da morte do pai (Tony Ramos).

O primeiro capítulo mostrou doses de tensão do começo ao fim. Tão forte é a trama principal que o respiro cômico, estrelado por Alexandre Borges, pareceu desnecessário. Especialmente por ser focado num tema já explorado à exaustão em “Passione”, com o personagem Berillo (Bruno Gagliasso), bígamo assumido. Há que se dizer, no entanto, que o grande destaque da novela atende pelo nome de Adriana Esteves. Oscilando entre ira e falsa meiguice, a atriz roubou a cena e deu mostras de que o espectador vai adorar odiá-la ao longo de oito meses. É o grande papel de sua vida.

Assim como vem acontecendo em algumas das tramas da emissora, a novela das nove pretende subverter o papel da mocinha. Anos depois, sob o nome de Nina (Débora Falabella), Rita volta para se vingar da megera. A fórmula é a mesma usada em “A Favorita” e “Da Cor do Pecado”. João Emmanuel Carneiro investe na briga entre duas mulheres fortes – Flora (Patrícia Pillar) versus Donatella (Claudia Raia) e Preta (Taís Araújo) e Bárbara (Giovana Antonelli), respectivamente. Se “Fina Estampa” emulou novela das sete em seu lançamento, este folhetim foi além e não deu folga para o público respirar. Foi uma estreia irretocável, emocionante. Essa novela promete.

A audiência parece ter reagido bem, mas ainda assim o número é menor que o de sua antecessora. “Avenida Brasil” estreou com 37 pontos de média, com 40 de pico. Quatro pontos a menos do que o registrado por “Fina Estampa”, que foi lançada com 41 pontos de média e pico de 44 em seu primeiro capítulo.

Confira a média de audiência dos capítulos de estreia das últimas novelas das nove:

“Avenida Brasil” – 37 pontos

“Fina Estampa” – 41 pontos

“Insensato Coração” – 37 pontos

“Passione” – 37 pontos

“Viver a Vida” – 42 pontos

“Caminho das Índias” – 39 pontos

“A Favorita” – 35 pontos

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , ,

sexta-feira, 23 de março de 2012 Bastidores, Novela | 07:00

Próxima novela das nove, 'Avenida Brasil' terá um jogador de futebol gay

Compartilhe: Twitter

Roniquito se apaixona por outro jogador de futebol

Assunto tabu dentro e fora dos campos, a homossexualidade no futebol deverá ser discutida a partir da semana que vem, quando estreia “Avenida Brasil”, novela que substituirá “Fina Estampa” na faixa das 21h. A trama escrita por João Emmanuel Carneiro terá um jogador de futebol que esconde que é gay dos colegas.Interpretado por Daniel Rocha, Roniquito mora no subúrbio e é amigo de Monalisa (Heloísa Perissé). Filho de Diógenes (Otávio Augusto), o presidente do Divino, clube de futebol no qual Jorginho (Cauã Reymond) joga, sentirá medo de sair do armário durante boa parte da trama e não acha que tem vocação para o esporte.

Detalhe: em dado momento, o personagem se apaixonará por outro jogador de futebol, vivido por Thiago Martins, que, por sua vez, terá uma queda pela maria chuteira Suéllen (Ísis Valverde). É polêmica na certa.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , ,

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012 Bastidores, Novela | 09:22

Carolina Ferraz será dominada pela filha vilã em 'Avenida Brasil', próxima novela das nove

Compartilhe: Twitter

Carolina Ferraz: filha rebelde na trama

A coluna já adiantou que “Avenida Brasil” terá uma passagem de tempo de 12 anos que mudará a vida de alguns de seus personagens. Dentre os que terão a rotina abalada está Alexia, vivida por Carolina Ferraz. No começo da próxima novela das nove, ela estará decidida a ter um filho a qualquer custo e seduzirá Cadinho, papel de Alexandre Borges com esse intuito. Bem resolvida, ela será bem sucedida e ficará grávida. O que ela não espera é que sua filha, passados os 12 anos, será uma adolescente rebelde que dominará toda a sua vida. Alexia se arrependerá amargamente da decisão. Pelo visto, vem aí uma jovem vilã na trama escrita por João Emmanuel Carneiro.

Siga-me no Twitter

Autor: Tags: , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última